Birdwatching urbano, vale a pena?

Devido ao Baita Ano 2020, eu me acostumei a andar com a câmera “pra cima e pra baixo” pra registrar todas espécies que eu conseguir encontrar. Em decorrência disso, me chamou a atenção a quantidade de aves que podemos ver em perímetro urbano.

Muitas vezes achamos que para praticar o birdwatching, temos que viajar para longe ou encontrar lugares mais preservados, mas nos enganamos. Conseguimos encontrar diversas espécies legais bem próximo das nossas casas.

Obviamente são espécies mais comuns. Mas você já parou pra pensar que essas espécies nem sempre são valorizadas? Muitas vezes nem temos uma foto legal de uma ave que encontramos todos os dias, justamente pelo fato de não nos importarmos tanto com elas. Valorizamos o novo e não damos bola para o simples do dia-a-dia, como tudo em nossas vidas.

Com a intenção de mudar um pouco minha concepção sobre isso e com o incentivo do Baita Ano, resolvi fotografar todas as espécies urbanas aqui de Pelotas. Mas quero fazer excelentes registros das aves, para quem sabe, futuramente publicar um ebook para disponibilizar para a população pelotense.

Foram 3 dias com a câmera enquanto eu fazia atividades rotineiras por aqui, mas sempre que eu via alguma ave, eu parava e registrava. Consegui melhorar alguns registros que até então não eram bons, justamente pelo fato que já mencionei antes, não valorizamos o comum!!!!!!!!!!

Então fica meu convite à todos vocês, desde o observador mais novo, até o mais experiente na atividade. Vá a praças, parques e condomínios nas suas cidade, você vai se impressionar com a quantidade de espécies que vai encontrar por lá e não se assuste se encontrar alguma espécie nova para seu município.

Abaixo, algumas fotos que fiz durante esses dias por aqui:

Vá atrás de aves comuns, você vai se impressionar com os detalhes e com a beleza que muitas vezes não é valorizada!!

Se esse texto faz sentido para você, compartilhe ele com seus amigos e ajude a divulgar o birdwatching!

3 comentários

  1. Parabéns pelo excelente texto e incentivos! Interessante também porque, de repente a gente descobre alguma espécie ainda não registrada nas áreas urbanas, o que torna ainda mais estimulante a pesquisa. Abraço.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s